Rede de recolha e tratamento de águas residuais e pluviais

Águas residuais, também vulgarmente denominadas de esgoto (do termo latino exgutta), são as águas que após a utilização humana apresentam as suas características naturais alteradas. Conforme o uso predominante comercial, industrial ou doméstico, essas águas apresentarão características diferentes.

A devolução das águas residuais ao meio ambiente deverá prever a sua correta recolha e encaminhamento para equipamentos técnicos preparados para o seu tratamento (ETAR), onde após serem retirados os seus elementos prejudiciais ao meios ambiente, serão devolvidas às linhas de água das regiões onde se inserem.

As águas residuais são encaminhadas para estes centros de tratamento através de redes de canalização dedicadas e que deveráo cumprir com um conjunto de normas e regras especificas.

As águas residuais não tratadas podem prejudicar o meio ambiente e a saúde das pessoas. Os agentes patôgénicos podem causar doenças como a cólera, a difeteria, o tifo, a hepatite e muitas outras.

 

As águas pluviais são encaminhadas e tratadas em redes próprias, em função das condições e opções técnicas das regiões bem como da estratégia das entidades gestoras de cada região.

 

A CSM com a sua experiência acumulada ao longo de já quase nove décadas, e através dos seus meios humanos e mecânicos, tem realizado inumeros projetos, tanto para clientes particulares como para organismos públicos, nomeadamente Câmaras Municipais, Serviços Municipalizados, Associações de Municipios e Águas de Portugal.

 

Conte connosco!